quinta-feira, 20 de abril de 2017

INPE Lança Site do Satélite Amazonia-1

Olá leitor!

Segue abaixo nota postada hoje (20/04) no site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), destacando que o instituto lançou recentemente website do Satélite Amazonia-1.

Duda Falcão

INPE Lança Site do Satélite Amazonia-1

Quinta-feira, 20 de Abril de 2017

Primeiro satélite de observação da Terra completamente projetado, integrado, testado e operado pelo Brasil, o Amazonia-1 ganhou um site que reúne informações e imagens sobre a missão desenvolvida pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).

O satélite, que tem lançamento previsto para 2018, permitirá a melhora nos dados de alerta de desmatamento na Amazônia e, também, fornecerá imagens frequentes das áreas agrícolas brasileiras, entre outras aplicações de monitoramento ambiental. 

Os dados estarão disponíveis tanto para comunidade científica e órgãos governamentais quanto para usuários interessados em uma melhor compreensão do ambiente terrestre. 

O Amazonia-1 é o primeiro construído a partir da Plataforma Multimissão (PMM), estrutura inovadora desenvolvida pelo INPE, capaz de se adaptar aos propósitos de diferentes missões e, assim, reduzir custos de projetos espaciais.

Além de detalhes sobre a plataforma e a carga útil do satélite, o novo site apresenta os ganhos tecnológicos e a participação da indústria nacional na Missão Amazonia, entre outras informações.

A página pode ser acessada a partir do banner disponível no site do INPE ou diretamente no endereço: www.inpe.br/amazonia-1

Inovanças

O satélite Amazonia-1 é um dos destaques da exposição Inovanças - Criações à Brasileira, que estará aberta de 25 de abril a 22 de outubro de 2017 no Museu do Amanhã, na cidade do Rio de Janeiro. 

No Museu do Amanhã, serão apresentados cerca de 40 projetos inovadores, pensados e realizados por brasileiros que transformaram vidas pelo país e pelo mundo. Para o INPE, a participação na exposição Inovanças representa a importância das atividades espaciais para o desenvolvimento do Brasil.


Fonte: Site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)

Comentário: Bom, muito bom mesmo.  Porém será mesmo leitor que em 2018 finalmente se finalizará esta novela???  Pago para vê, vamos aguardar. Vale dizer que o Projeto do Satélite Amazõnia-1 é atualmente a mais extensa novela de todo Programa Espacial Brasileiro (PEB) e talvez do mundo. Remonta a época da antiga Missão Espacial Completa Brasileira (MECB), quando então era conhecido como Satélite de Sensoriamento Remoto 1 (SSR-1), um dos objetivos da MECB que incluía o desenvolvimento da Base de Lançamento (Alcântara), o lançador VLS-1 e os satélites SCD 1 e 2 e SSR-1 e 2. Vou ficar na torcida para que esse satélite seja realmente lançado em 2018, mas sinceramente não acredito nessa possibilidade.

Um comentário: